Dicas de Saúde

Baixas Temperaturas Pedem Cuidados com a Saúde

Ainda estamos no outono, mas as noites já começam a esfriar e, gradativamente, fechamos portas e janelas. O inverno, portanto, não demora a se instalar. Em ambientes fechados, vírus e bactérias proliferam, dando início à temporada de sintomas como coriza, rouquidão, febre, dores pelo corpo, obstrução nasal etc. O que fazer? 


As chamadas doenças de inverno atacam o sistema respiratório e devem ser tratadas logo no início, para evitar complicações. Veja, portanto, como diferenciar simples resfriados de gripes ou pneumonias, e saber a hora de procurar o médico.


Resfriado – Infecção causada por rinovírus, atinge principalmente nariz e garganta e é transmitida via tosse, espirro, falar muito próximo de outra pessoa ou objetos contaminados. Como não há medicamentos específicos para esse vírus, utilizamos analgésicos e antipiréticos. Recomenda-se boa hidratação, alimentação saudável (frutas, sucos, legumes, sopas variadas, integrais em geral etc), repouso e nada de bebidas alcoólicas.


 


Gripe – O vírus influenza é seu causador e, logo, nada tem a ver com o resfriado. Seus sintomas são dor de garganta, tosse, febre alta, secreção nasal, cansaço, dores pelo corpo. Ao avaliar o quadro, seu médico poderá recomendar antitérmicos e analgésicos; apenas repouso ou também antivirais.


 


Na prevenção é importante evitar locais fechados e cheios de gente, lavar sempre muito bem as mãos, evitar contato com pessoas gripadas e tomar a vacina contra a gripe se estiver nos grupos de risco.


 Asma e Rinite – Quem sofre desses males em qualquer estação do ano, deve redobrar os cuidados sob temperaturas mais amenas ou frias, pois eles costumam se agravar quando há baixa umidade relativa do ar. Especialistas aconselham manter-se agasalhado e umidificar sempre o ambiente.


 


 Pneumonia – É uma infecção ou inflamação dos pulmões, cuja causa pode ser vírus, bactérias, parasitas ou fungos. Para prevenir, evite aglomerados e ambientes fechados, lave sempre as mãos e evite levá-las à boca, nariz e olhos. Ao espirrar ou tossir, use lenço de papel.


 

Arquivo